Sisu

Inscrições do Sisu 2016 começam em Janeiro

Atualizado em: novembro 14, 2015

by Enem on 13/11/2015

Inscrições do Sisu 2016: No mês de janeiro teremos a abertura do período de inscrição do Sisu 2016 – Sistema de Seleção Unificada. Estudantes que fizeram o Enem 2015 (Exame Nacional do Ensino Médio) terão a oportunidade de utilizar suas notas para concorrer a vagas em cursos de instituições públicas do ensino superior de todo o país.

Gerenciado pelo Ministério da Educação (MEC), o Sistema de Seleção Unificada utiliza o resultado do Enem como principal critério de desempate em seus processos seletivos, nos quais institutos e universidades federais ofertam vagas no início dos dois semestres letivos de cada ano. A inscrição é totalmente gratuita e feita exclusivamente via internet.

Inscrições do Sisu 2016: Como se inscrever?

 Inscrições do Sisu 2016 começam em janeiro

Inscrições do Sisu 2016 começam em janeiro

O cronograma do Sisu 2016 será divulgado no fim do mês de dezembro, em edital que será publicado pelo Ministério da Educação. Espera-se que o período de inscrições comece em meados de janeiro, com duração de duas semanas. O resultado deverá ser divulgado logo no início de fevereiro, com matrículas logo em seguida.

A única maneira de fazer inscrição no Sisu 2016 é através do portal do MEC, acessível no endereço eletrônico http://sisu.mec.gov.br/. Para se inscrever, o candidato precisa informar o número de inscrição e a senha do Enem 2015, que poderá ser recuperada no próprio site. Quem participou de Exames anteriores não terá o direito de concorrer às vagas que serão ofertadas.

Por ser gerenciado pelo MEC, o Sistema de Seleção Unificada acessa automaticamente o resultado do Enem 2015 daqueles participantes que concorrem às vagas ofertadas. As notas finais nos processos seletivos dependem diretamente do curso escolhido, pois são atribuídos pesos diferentes em cada uma das áreas de conhecimento das provas (Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemática). Cursos na área de exatas, por exemplo, valorizam mais o aproveitamento na área de Matemática.

A partir de 2016, o Sisu também levará em conta a renda dos candidatos como critério de desempate em seu processo seletivo. Agora, quem comprovar menor rendimento familiar mensal terá preferência.

Cada candidato tem o direito de escolher até dois cursos diferentes, indicando a ordem de preferência durante a inscrição. As opções podem ser alteradas quantas vezes for necessário, obedecendo o período de inscrição. Durante esse período, o sistema atualizará as notas de corte do Sisu 2016 diariamente. Assim, o estudante pode comparar sua nota com a mínima do dia.

As vagas não preenchidas serão ofertadas aos candidatos que manifestarem interesse em participar da lista de espera, dentro de um prazo que ainda será divulgado.

O resultado do Enem 2015 pode ser antecipado pelo MEC! Fique por dentro de todas as notícias do Exame Nacional do Ensino Médio e demais programas do Ministério da Educação.

Curta e compartilhe o Sisu 2016 no Facebook!